terça-feira, 23 de setembro de 2008





Foto: Nuno Milheiro

5 comentários:

bruno mateo disse...

Esse é o tempo da esperança até ao inverno da vida.
Beijo.

Luis Eme disse...

apetece-me dizer-te, que às vezes pensamos que queremos o que não queremos...

bjs Maré

lupussignatus disse...

desfolha-nos

por

dentro

gabriela rocha martins disse...

impressionante

o modo

como "colas"

o outono

às palavras



.
um beijo

Graça Pires disse...

O outono e as suas desconcertantes formas. Outono onde construímos o barco e desenhamos a sede, lentamente.
Um beijo.